Aparecida de Goiânia avança nas obras de novo aeroporto executivo

Antares Polo Aeronáutico, que está sendo implantado em Aparecida de Goiânia, promete ser um marco na infraestrutura portuária do País

Goiânia Empresas (GO) – De acordo com a Associação Brasileira da Aviação Geral (Abag), Goiás é considerado o coração da aviação geral brasileira e o Centro-Oeste concentra 20% das aeronaves do País. Especialistas dizem que, embora haja uma preocupação grande com a aviação comercial, a aviação geral também é importante porque ele conecta cidades brasileiras e favorece negócios pelo país. Contudo, a realidade é que, normalmente, os pequenos aviões acabam disputando e perdendo espaço para as aeronaves comerciais nos aeroportos públicos. Restam a elas, na maior parte das vezes, os aeródromos com pistas de menor estrutura.

Nesse sentido, o Antares Polo Aeronáutico, que está sendo implantado em Aparecida de Goiânia, promete ser um marco na infraestrutura portuária do País. O empreendimento será voltado para aviação executiva, manutenção de aeronaves e operações logísticas. Deve atrair empresas de táxi aéreo, serviços aeromédicos, de logística, manutenção de aeronaves, hangaragem, agro aviação e escolas para formação de pilotos. A expectativa é atrair também indústrias, em especial fábrica de peças aeronáuticas, turbinas e motores para aviação, entre vários outros. Ao todo, serão 2,096 milhões m² de área total.

“O investimento em infraestrutura pode representar um divisor de águas para o Brasil. Toda nação que investe em infraestrutura garante um crescimento econômico constante e sustentável, e não algo esporádico ou temporário”, pontua Francisco Lyra, que foi anunciado oficialmente como gestor operacional do Antares, durante cerimônia de lançamento da pedra fundamental nessa terça, 19 de outubro.

Com mais de 45 anos de atuação no setor da aviação, o comandante Lyra (como é mais conhecido) é CEO do GATGRU, terminal de aviação geral do Aeroporto Internacional de Guarulhos; e também CEO e sócio da C FLY Aviation, empresa especializada na venda e compra de aeronaves executiva e gestão de frotas aéreas. Além das mais de 17.000 horas de vôo em e aviões e aeronaves executivas, comandante Lyra possui em seu currículo a participação em vários e importantes projetos ligados ao setor da aviação, como a fundação do Aeroporto Catarina, na região metropolitana de São Paulo, que é o primeiro terminal aeroportuário público internacional, de propriedade e investimento 100% privado.

O evento foi também uma oportunidade para que autoridades públicas e empresários de diversos setores pudessem conhecer de perto o projeto do aeroporto executivo e dos hangares, e o andamento da construção, que já movimentou mais de 250 mil metros cúbicos de terra, o que equivale a cerca de 20 mil viagens de caminhão – para se ter ideia da grandiosidade da construção.

“O empreendimento também vai criar uma nova vocação econômica para a cidade de Aparecida de Goiânia. Oportunidades de empregos qualificados irão surgir, o que movimentará até mesmo universidades e centros de formação especializados. O Antares, por exemplo, quando estiver em pleno funcionamento, irá gerar mais de três mil postos de trabalho”, comenta Paulo Roberto da Costa, diretor da Tropical Urbanismo, uma das cinco empresas que integram o grupo empreendedor responsável pelo polo aeronáutico. Além da Tropical Urbanismo, integram o grupo empreendedor a Innovar Construtora, CMC Engenharia, BCI Empreendimentos e Participações e a RC Bastos Participações.

Além de descerrarem a placa na pedra fundamental, autoridades e empreendedores também assinaram pergaminho com histórico do empreendimento, que foi depositado em cápsula do tempo e guardada na pedra fundamental, para ser reaberta daqui a 50 anos.

Fonte: stgnews

Receba novidades e promoções

Deixe seus dados abaixo. Enviaremos novidades e oportunidades de negócio em primeira mão para você.